Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Razia

por Júlia, em 09.11.07

No dia 4 de Novembro resolvemos continuar a visitar as aldeias e vilas da região. Seguimos a estrada em direcção a Sousel, mas desviamo-nos para visitar Stº Amaro, aldeia que pertence  a este concelho.

A aldeia tem poucos motivos de interesse. As casas estão muito modificadas, no pior sentido; muitas ostentam nas frontarias coberturas de azulejos e outras decorações de gosto mais ou menos duvidoso.

Parámos num largo para ver a igreja da vila, um dos poucos edifícios com algum interesse, e deparámos com um espectáculo pouco edificante: todos os plátanos existentes no largo e nas ruas adjacentes estavam cortados como se pode observar na foto.

 

Como é evidente pela imagem, trata-se de plátanos relativamente jovens. Estes não puderam brindar-nos com o espectáculo da cor outonal das suas folhas.

 

Plátano do pátio de uma escola do 1º ciclo do ensino básico. Os cortes mostram que o "trabalho" da poda foi feito há pouco tempo.

Deixámos Stº Amaro e rumámos a Sousel. Aqui não vimos um único plátano, quer no jardim, quer em praças e ruas dos arredores, que não tivesse sido cortado tal como os que tinhamos visto antes.

Fico com uma dúvida: terá a autarquia de Sousel querido, com esta poda dos plátanos, poupar trabalho aos funcionários da limpeza? A queda das folhas exige mais esforço,  durante mais tempo, do que cortá-las todas de uma só vez.

Mas a consequência disto pode ser a morte das árvores, como já pude verificar noutro local.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:28


17 comentários

Sem imagem de perfil

De Pedro a 12.11.2007 às 11:19

Júlia,

Obrigado pela amizade. Este "caso" demonstra o muito que há por fazer neste país em termos de educação ambiental; mas porque ambos estamos ligados ao ensino não podemos desistir da pedagogia.

Também por isso sabemos que o pior aluno é o que teima em não querer aprender...ou, dito de outra forma, "o pior cego...".

De resto, e por certos comentários que foram deixados no blogue de Sousel, já deu para entender que, com certas almas, não vale a pena "pregar aos peixes".

Eu apenas diria que há coisas que doem mais do que levar com o ramo de uma árvore...a ignorância é uma delas!

Abraço, boa semana e coragem para continuar a denunciar estas infâmias.

Pedro
Imagem de perfil

De Júlia a 12.11.2007 às 16:33

Olá Pedro
Os comentários do dono do blogue de Sousel e os outros não desmerecem da ideia com que fiquei daquela terra.
Claro que não são estas atitudes e palavras que nos vão desmobilizar de denunciarmos os aspectos negativos que vamos encontrando por estas terras. A liberdade que conquistámos não a vamos hipotecar só porque algumas criaturas gostam de alardear a sua ignorância e não entendem que os outros têm todo o direito de manifestar a sua opinião e de defender as causas que entendem justas.
Um abraço e boa semana de trabalho
Júlia

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D