Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Neve em Campo Maior

por Júlia, em 10.01.10

Fenómeno raro, mas aconteceu nesta tarde de Janeiro.

 

O Jardim Municipal

 

Uma das árvores do jardim

 

O convento visto do meu terraço

 

Candeeiro de rua e sacada

 

A torre da Igreja Matriz, vista do meu terraço

 

O meu terraço

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:07


12 comentários

Sem imagem de perfil

De Emília Freire a 11.01.2010 às 05:07

Olá prof. Júlia.
Lindas fotos! :-)
Quando ouvi que tinha nevado aí pensei logo em si e no prof. Francisco, espero que estejam bem. ;-)
E Parabéns pelos 3 anos do Blog!
beijinhos,
Emília Freire
Imagem de perfil

De Júlia a 11.01.2010 às 13:45

Olá Emília!
Foi um belo espectáculo!
Agradeço os parabéns.
Bom ano para si.
Beijinhos
Júlia
Sem imagem de perfil

De ana a 11.01.2010 às 06:38

Bom dia
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

Bom dia <BR class=incorrect name="incorrect" <a>Nao</A> conheço a pessoa que enviou estas fotos aqui mas agradeço pois sou de Campo Maior e quando ouvi que tinha nevado ai fiquei admirada e curiosa pois quando ai vivi nunca ouve neve !!! <BR>Por isso agradeço de ter posto estas fotos <BR>Eu sou dessa linda terra mas vivo no estrangeiro onde a neve também não falta com abundância mas Campo Maior com neve ....fica sempre linda mesmo assim <BR>Mais um vez obrigada pelas fotos <BR><BR>Ana Cordeiro Caraças
Imagem de perfil

De Júlia a 11.01.2010 às 13:48

Ana, agradeço o seu comentário. Nevar é, de facto, um fenómeno muito raro em Campo Maior, sobretudo com a dimensão que atingiu.
Eu não sou de Campo Maior, mas vivo aqui há cerca de 4 anos. O meu marido é que é natural da vila.
Cumprimentos
Júlia Galego
Sem imagem de perfil

De Dina a 11.01.2010 às 09:49

Há cerca de 23/24 anos, vivia em Elvas e também caiu assim em grande quantidade. Foi engraçado ver agora a minha filha já adulta a brincar com o filho tal como tinha acontecido connosco nessa altura.
A neve é sempre um espectáculo bonito e estas fotos mostram bem a quantidade que caiu!
Imagem de perfil

De Júlia a 11.01.2010 às 13:50

Dina, em Elvas também caíu bastante neve. Aqui foi um espectáculo bonito de se ver. Claro que não dava para andar muito na rua porque o pavimento estava extremamente escorregadio. Apesar de uma saída ao jardim, optei por acompanhar a evolução do que acontecia a partir do meu terraço. A neve chegou a atingir cerda de 5-6cm de altura.
Sem imagem de perfil

De lena a 11.01.2010 às 16:12

Olá Júlia!
Bonito ver o Alentejo vestido de branco. Em Viseu,também nevou.Pensamos que é comum,mas não.No ano passado,a quantidade foi tanta que tirei fotos com medo que nao acontecesse de novo.Este ano,foi ontem à tarde,mas hoje já se foi :(
Apareça pela Aldeia.
Jocas gordas
Lena
Imagem de perfil

De Júlia a 12.01.2010 às 13:25

Olá Lena!
Por aqui é um fenómeno extraordinário. Há cerca de 4 anos fiz uma viagem de regresso à região de Lisboa debaixo de uma grande nevão. De tal modo que, a partir de Estremoz, a A6 foi encerrada. No entanto, em Campo Maior não nevou. As pessoas que vivem cá têm memória de cair neve há 20 anos (mais ou menos), mas nada que se parecesse com o que se viu no domingo passado.
Foi muito bonito.
Vou ver se em Fevereiro colaboro na postagem colectiva.
Beijinho
Júlia
Imagem de perfil

De Rosa Guerreiro Dias a 12.01.2010 às 00:38

Amiga Júlia!
Estou deveras encantada com estas fotos tiradas em Campo Maior, que lindo!!!!!!!!!!!
Lá diz o ditado.
"" Ano de Nevão, Fartura de pão"
Que assim seja.
Aquele abraço da amiga certa
Rosa
Imagem de perfil

De Júlia a 12.01.2010 às 13:26

Olá amiga Rosa!
Tenho pena que não estivesse cá para ver o grande espectáculo da neve. Foi um acontecimento na vila.
Abraço
Júlia
Imagem de perfil

De daplanicie a 14.01.2010 às 22:11

Mas que fotos magníficas de um facto um pouco insólito em terras alentejanas! :-)
Beijinho
Imagem de perfil

De Júlia a 15.01.2010 às 18:51

Foi bonito de ver, até pela raridade do fenómeno. Lembro-me de ver algumas vezes, nas traseiras da casa dos meus pais, os cumes da serra de S. Mamede cobertos de neve. E houve uma ocasião, quando andava na escola primária que também nevou na nossa terra. Nunca me esqueci disto porque a professora não nos deixou sair da sala de aula. Outros tempos...
Beijinho

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D