Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Barbacena. Chafariz

por Júlia, em 27.04.09

 Um comentário feito pelo senhor António Carvalho, natural de Barbacena, alertou-me para a existência de uma fonte parecida com a que tenho no cabeçalho, a fonte de Perofilho, no Crato.

Já tinha visitado demoradamente a vila de Barbacena, mas nunca tinha percorrido a estrada que conduz a Elvas. Isto prova que nunca se consegue ver tudo o que tem interesse numa povoação. Mas o facto é que, em muitos casos, não existem indicações no local a chamar a atenção para determinados aspectos que merecem uma visita. E o chafariz de Barbacena merece bem ser destacado.

Logo à saída de Barbacena encontra-se este notável e monumental  Chafariz de Nossa Senhora da Nazaré.

 

Segundo a placa que se encontra no local, o chafariz foi construído nos anos de 1935 e 1936. Tem um conjunto de três bicas, uma que deitava a água para o tanque central e as outras duas dispostas simetricamente em cada um dos lados e que deitavam a água para uma espécie de grandes taças

.  

O chafariz, vendo-se ao fundo a capela de Nossa Senhora da Nazaré.

 

A carranca central.

 

Uma das carrancas laterais.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:16


6 comentários

Sem imagem de perfil

De Rafael Carvalho a 27.04.2009 às 21:27

Antes de ler um post , a primeira coisa que faço é observar a imagem que o acompanha. Efectivamente, tive de confrontar a imagem do post com a do cabeçalho para me certificar que não incidiam sobre o mesmo objecto...
Cumprimentos.
Imagem de perfil

De Júlia a 28.04.2009 às 11:37

Rafael, as duas fontes são bastante diferentes. O que têm de comum é a pintura em branco e amarelo.
A do Crato tem a particularidade de ter o tanque principal e a carranca feitos em granito. Há também uma separação física, através do murete central, do tanque destinado a bebedouro dos animais.
Para ver com mais pormenor: http://entretejodiana.blogs.sapo.pt/83493.html

A de Barbacena é muito maior do que a do Crato.
Cumprimentos
Sem imagem de perfil

De António carvalho a 27.04.2009 às 22:56

Sra. Júlia Galego, muito grato pela atenção.
De facto as fontes em questão são duas obras primas do nosso Alentejo e estão muito bem conservadas o que é de louvar nos tempos que correm. São muito parecidas na cor das frontarias o que me levou numa primeira análise a confundir uma com a outra. Vou algumas vezes a Barbacena e nunca tinha reparado na variedade de chaminés que ornamentam as sua habitações, eu nascido e criado nessa vila, parece impossível mas é verdade. O palácio na Herdade de Fontalva e o Monte Velho também são dois monumentos na freguesia a visitar, vale a meia dúzia de kms . Muitos parabéns pelas imagens, dedicação e empenho.
Imagem de perfil

De Júlia a 28.04.2009 às 11:41

António Carvalho
Gostava muito de visitar a Herdade de Fontalva, cujo palácio se adivinha da estrada, mas, como sabe, é propriedade privada e não sei se permitem visitas. Quanto ao Monte Velho, desconheço onde fica.
Relativamente às duas fontes, elas são bastante diferentes. Se quiser ver a do Crato com mais pormenor, tenho um post em: http://entretejodiana.blogs.sapo.pt/83493.html
Agradeço as suas amáveis palavras.
Cumprimentos
Sem imagem de perfil

De Jorge Pereira Borrego a 09.06.2009 às 00:24

Mais uma vez aqui me encontro a dar umas dicas. O Monte de Font´alva , será único no Alentejo e talvez em Portugal, foi mandado edificar por Alfredo de Andrade, bisavó do actual proprietário, nos finais do século XIX. Alfredo de Andrade, era Arquitecto em Itália, após ter adquirido estes terrenos que circundavam o castelo de Font´Alva , designado pelas gentes de Barbacena como "Monte Velho", manda construir o núcleo desta grade casa agrícola , chamado Monte de Font´alva . A arquitectura e o material utilizado é o mesmo que era utilizado no norte de Itália, mais concretamente na zona de Piemonte . Há três anos quando estive em Turim, pude verificar que as construções das quintas desta zona eram idênticas às de Font´Alva , inclusivamente o tipo de ladrilho ai utilizado.
Apesar de estar inscrito "Proibido el Passo", poderá deslocar-se junto do monte, pois o Eng. José Luís d`Andrade , por certo a deixará tirar algumas fotos.
P.S. Aproveite para visitar a capela que se encontra em frente ao Monte, acredite de ficará agradavelmente surpreendida...
Boa visita e aguardamos fotos de muita qualidade. Jorge Pereira Borrego
Imagem de perfil

De Júlia a 14.06.2009 às 11:11

Agradeço muito a sua sugestão e talvez um dia destes peça ao proprietário da Font'Alva para a visitar. Já tinha ouvido falar das características da casa e também tenho curiosidade em conhecê-la.
Cumprimentos

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D