Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Torre de igreja

por Júlia, em 20.04.07

 

As torres das igrejas constituem um dos elementos que se destacam nas paisagens urbanas.

Uma observação atenta mostra pormenores que as diferenciam.

  

 

Esta é uma torre única da igreja do convento de Santo António, em Campo Maior. Tem escrito em três das faces laterais "S. Bárbara". Esta santa era, ou é, invocada por altura das grandes trovoadas que atingem, por vezes, proporções assustadoras. Rezava-se então uma oração de protecção a Santa Bárbara. Havia uma que começava assim: "Santa Bárbara bendita que no céu estás escrita...."

 

Em http://culturapopular.no.sapo.pt/ encontrei esta reza:
.
"Santa Barbara milagrosa se vestiu e se calçou seu pauzinho na mão pegou e senhor a encontrou e lhe disse:
Barbara onde vais?
- Senhor vou ao céu abrandar a trovoada que anda lá muito brava; manda-la para o monte do Rusmarinho onde não haja pão nem palha nem bafinho do menino."
.
Bem a propósito, está uma tarde de trovoada.
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:09


3 comentários

Imagem de perfil

De SOUSINHA a 21.04.2007 às 15:07

Viva,

Post bastante poético e sugestivo. Lembro-me bastante bem da reza que citou, essa do "Santa Bárbara bendita que no céu estás escrita...."
Um muito bom fim de semana para si e aceite os meus cumprimentos.
JBS

Imagem de perfil

De Júlia a 21.04.2007 às 18:59

Só citei essa parte da reza, porque não sei o resto. Mas gostava de saber. Ainda andei e investigar na net, mas só encontrei a reza que reproduzi.
Tem conhecimento da reza na totalidade?
Bom fim de semana também
Cumprimentos
Júlia
Sem imagem de perfil

De kaska a 21.04.2007 às 22:38

Um bom fim de semana e continuação de bons posts.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2011
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2010
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2009
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2008
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2007
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2006
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D