Quinta-feira, 16 de Julho de 2009

Menir de Almendres

 

Era muito antiga intenção de visitar os monumentos megalíticos de Almendres. Foi sendo adiada ao longo do tempo mas, num destes dias do princípio do mês de Julho, com uma temperatura relativamente amena, a placa identificando a direcção que o viajante deve tomar para lá chegar, constituiu um apelo muito forte que levou à decisão de não deixar para uma próxima vez a visita a estes sítios arqueológicos.

Depois de deixarmos a estrada de alcatrão, na freguesia de Nossa Senhora de Guadalupe, não é muito fácil o caminho pela estrada de terra batida.

Ao longo do caminho é possível admirar o bosque que se vai adensando aqui e ali, sinal de que algumas daquelas terras deixaram de ser cultivadas. Chegados ao local onde não é possível continuar de carro, uma estreita vereda, ladeada vedações, permite caminhar dentro da Herdade de Almendres, onde se localiza o menir. É uma subida razoável e, chegados ao cimo do monte, eis que surge o imponente menir.

 

Na placa que se encontra no início da vereda, num alargamento da estrada, encontram-se informações sobre este monumento. De forma sintética, ficamos a saber que o Menir de Almendres tem uma forma ovóide alongada e é um exemplar característico dos menires da região de Évora. Datado do Neolítico Antigo/Médio, na parte superior tem um báculo gravado em baixo relevo, motivo decorativo que o liga à cultura agro-pastoril dos povos neolíticos. Parece estar relacionado com o recinto megalítico dos Almendres, pois o alinhamento entre os dois monumentos coincide com o nascer do Sol no solstício de Verão (Junho).

concelhos e outros temas:
publicado por Júlia às 08:27
link do post | comentar | favorito
| | partilhar
6 comentários:
De Rafael Carvalho a 16 de Julho de 2009 às 23:04
No Norte do país conheço várias antas.
Lamento contudo nunca ter presenciado um menir...
Cumprimentos para o Sul.
De Júlia a 17 de Julho de 2009 às 09:59
Rafael, já viu uma das antas do meu concelho? Se ainda não, espreite em

http://entretejodiana.blogs.sapo.pt/79331.html

E espreite também o post que vai sair aqui amanhã.
Cumprimentos (já agora) para o Norte
De A VER NAVIOS a 17 de Julho de 2009 às 18:05
Mais uma bela lição e um sugestivo convite a que visitemos a sua bela região.
Vou passando por aqui, nem sempre com tempo para comentar.
Bom fim de semana,
J. Lopes
De Júlia a 19 de Julho de 2009 às 12:18
Agradeço a visita e convido-o a ver o post que, nesta data, está no blogue. Completa este.
Cumprimentos e boa semana
De A VER NAVIOS a 19 de Julho de 2009 às 14:04
Ok. Passarei por lá e depois comentarei.
Bom domingo.
J. Lopes
De Anna a 28 de Julho de 2009 às 01:30
É bom ver que ainda há gente que se preocupa em ver a vida na sua forma mais simples, mostrando a Natureza e dando a conhecer a nossa linda região que é o Alentejo.

Passarei a visitar com alguma frequencia. e já agora aqui fica o convite:

http://escritassoltas.blogs.sapo.pt

Cumps

Comentar post

.mais sobre mim

O Entre Tejo e Odiana foi distinguido com o prémio Zé de Mello '09, na categoria Blogosfera Regional. . Agradeço a todos os que votaram. . http://josedemello.blogspot.com/

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Onde estou


Ver mapa maior

.pesquisar

 

.posts recentes

. Jardim de papel 4

. Jardim de papel 3

. Jardim de papel 2

. Jardim de papel 1

. Animais

. Chaminé em Campo Maior

. Monumento a Eça de Queiro...

. Pelourinho da Póvoa de Va...

. Mar

. Oliveira

. Orquídeas

. Rosa do meu jardim

. Passeando por Lisboa

. Árvore

. Lisboa moderna

.arquivos

.concelhos e outros temas

. abrantes

. alandroal

. alcochete

. alcoutim

. aldrabas

. alentejo

. alter do chão

. ambiente

. animais

. arraiolos

. arronches

. artesanato

. árvores

. avis

. beiras

. beja

. borba

. caia

. campo maior

. castelo de vide

. castro verde

. coretos

. crato

. culturas

. educação

. elvas

. ericeira

. estremadura

. estremoz

. eventos

. évora

. festas do povo 2011

. festas do povo 2015

. flores

. fontes

. fronteira

. gavião

. igrejas

. jardim

. lisboa

. marvão

. mértola

. monforte

. montemor-o-novo

. montijo

. mora

. moura

. mourão

. música

. nisa

. olivença

. paisagens

. pelourinhos

. pessoal

. plantas

. ponte de sor

. portalegre

. portel

. porto

. postdoano

. póvoa de varzim

. redondo

. reguengos de monsaraz

. rios

. serpa

. setúbal

. sousel

. trás-os-montes

. viana do alentejo

. vidigueira

. vila viçosa

. todas as tags

.favoritos

. Revisitando Serpa - ruas ...

. Choça

. Aldeia de Sande

. Ribeira de Seda, Pisão

. Entre Tejo e Odiana

. Igreja de Santo Aleixo

. Pôr-do-sol sobre a albufe...

. O nascer do Sol no Alente...

.ligações

Estou no Blog.com.pt

.últ. comentários

Jardins com arte e muito trabalho. As fotos mostra...
Lindas as imagens deste blog
Muito bonito, uma árvore num meio urbano...
Que beleza :)
Por acaso esta arvore de flores amarelas dem choro...
Ola,eu tenho essa fruta plantada,o pé esta carrega...
Olá, parabéns pelos artigos! Conte conosco para di...
Parabéns pelo seu bom gosto!
Há procura de cortinas tipicamente alentejanas dei...

.mais comentados

20 comentários
17 comentários
15 comentários
14 comentários
14 comentários
14 comentários
12 comentários
blogs SAPO

.subscrever feeds